terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Chegou

Tivemos prendas de natal.
E depois do natal recebemos a melhor prenda de todas.

Chegou em silêncio, um silêncio feito de força, de dor e sofrimento. Um silêncio de amor.
Esteve meses a preparar-se para nos ser entregue.
Foram meses de espera e de esperança, de planos, de alguma ansiedade, de sonhos.
Chegou com a ajuda de muitos que lhe dedicaram algum do seu tempo.
Chegou com lágrimas de incontida felicidade.
Chegou a tempo de nos ensinar tudo. A tempo de nos ensinar o que é o amor.

Bem vinda filha!

4 comentários: